Saúde

Vacinas salvaram 20 milhões de vidas em um ano, aponta novo estudo

26 de Junho de 2022 - Folha Press
[Vacinas salvaram 20 milhões de vidas em um ano, aponta novo estudo]

As vacinas contra a Covid-19 salvaram quase 20 milhões de vidas durante o primeiro ano de sua existência, segundo estimativas feitas por pesquisadores do Imperial College London

O estudo foi publicado na revista The Lancet Infectious Diseases. Os cientistas consideraram os imunizantes da Pfizer, AstraZeneca e Moderna.

O trabalho calculou os benefícios das vacinas e chegou à conclusão de que os imunizantes salvaram 19,8 milhões de vidas em 185 países nos primeiros 12 meses de uso. Os cientistas estimaram que 12,2 milhões de vidas foram salvas em países ricos e mais 7,5 milhões de vidas foram salvas em países cobertos pela iniciativa Covid-19 Vaccine Access (Covax), projetada para fornecer vacinas a nações mais pobres.

No entanto, os pesquisadores também descobriram que mais 600 mil mortes poderiam ter sido evitadas se a meta da Organização Mundial da Saúde (OMS) de vacinar 40% da população em todos os países até o final de 2021 fosse cumprida.

A maioria das mortes evitáveis ocorreu no continente africano. Atualmente, apenas 60% da população mundial recebeu as duas doses primárias de uma vacina contra a Covid.

Das vidas salvas, os especialistas estimam que 15,5 milhões delas foram resultado dos imunizantes que protegem contra sintomas graves de Covid. Estima-se que outras 4,3 milhões de mortes foram evitadas indiretamente pelas vacinas de Covid, ajudando a reduzir a transmissão e impedindo a sobrecarga dos sistemas de saúde.

No estudo, os pesquisadores afirmam que a aplicação das vacinas representou uma redução global de 63% no total de mortes (19,8 milhões de 31,4 milhões) durante o primeiro ano de vacinação contra a Covid-19.

O estudo analisou dados sobre taxas de vacinação, mortes por Covid e excesso de registros de óbitos. Especialistas da Universidade Johns Hopkins estimam que 6,3 milhões de pessoas morreram de Covid em todo o mundo. Enquanto isso, cerca de 11,6 bilhões de imunizantes foram entregues.

"A alta proteção em nível individual contra doenças graves e mortalidade devido à Covid-19, bem como o benefício em nível populacional proporcionado pela proteção leve contra a infecção pelo coronavírus (antes do surgimento da variante Ômicron), conferida pela vacinação, alterou fundamentalmente o curso da pandemia de Covid-19", escreveram os pesquisadores no estudo.

 

Foto: Divulgação

Comentários

Outras Notícias

[Manifestantes de Salvador se uniram em defesa da democracia nesta quinta]
Política

Manifestantes de Salvador se uniram em defesa da democracia nesta quinta

13 de Agosto de 2022

Grupos de manifestantes fizeram um ato em defesa da democracia no Campo Grande, Centro de Salvador, na manhã desta quinta-feira (11).

[Prazo para pedir voto em trânsito termina na próxima quinta-feira]
Brasil

Prazo para pedir voto em trânsito termina na próxima quinta-feira

13 de Agosto de 2022

Se encerra na próxima quinta-feira (18), o prazo para os eleitores solicitarem o voto em trânsito para as eleições de outubro

[Mendonça trava inquéritos que incomodam Bolsonaro]
Justiça

Mendonça trava inquéritos que incomodam Bolsonaro

13 de Agosto de 2022

O ministro André Mendonça, do Supremo Tribunal Federal (STF), suspendeu o julgamento de uma série de recursos apresentados nos inquéritos que atingem o presidente Jair Bolsonaro (PL) e seus aliados

[Brasileiros entram na lista do calote por deixar de pagar gasto com alimento]
Economia

Brasileiros entram na lista do calote por deixar de pagar gasto com alimento

13 de Agosto de 2022

A fatia de brasileiros que engrossou a lista de inadimplentes pela falta de pagamento de despesas com comida, entre janeiro e junho, foi a maior em cinco anos

[Homem é único em Salvador autorizado a plantar maconha em casa]
Bahia

Homem é único em Salvador autorizado a plantar maconha em casa

13 de Agosto de 2022

Desde fevereiro deste ano, o engenheiro e morador da capital baiana está autorizado a cultivar a planta cannabis, que é o remédio dele

[Bolsonaro diz que rachadinha é
Política

Bolsonaro diz que rachadinha é "prática meio comum" e desconversa: "não vou falar de mim"

13 de Agosto de 2022

Em entrevista neste sábado (13) ao canal Cara a Tapa, no Youtube, Jair Bolsonaro (PL) afirmou que o esquema de corrupção conhecido como "rachadinha" - que foi alvo de investigação em gabinetes dos filhos Flávio e Carlos - é "prática meio comum" entre os políticos