Educação

Erro no Enem afetou mais de 30 mil candidatos, estima presidente do Inep

18 de Janeiro de 2020 -Redação Pernambués agora
[Erro no Enem afetou mais de 30 mil candidatos, estima presidente do Inep]

O presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Alexandre Lopes, disse que até 30 mil candidatos podem ter sido afetados por uma falha na contabilização dos pontos da prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem)

O número equivale a pouco menos de 1% dos quase 3,9 milhões de candidatos inscritos. As informações são do jornal O Globo.

“É importante registrar que a nossa estimativa, com base em tudo o que rodamos até a madrugada, é que as possíveis inconsistências não cheguem a 1% do total dos 3,9 milhões de participantes. Esse é o público-alvo que a gente acha que pode ter tido inconsistências”, disse Lopes.

Em seguida, porém, o secretário afirmou que há possibilidade de o número ser menor. “Dentro desse trabalho de rodar e pela experiência que a gente está tendo, a gente estima que chegue a menos de 1%, menos de 30 mil. A gente acha que não vai chegar nem a 9 mil pessoas.”

Ainda segundo ele, a falha teria sido cometida pela gráfica responsável pela impressão e transmissão dos dados dos gabaritos ao Inep, a Valid S.A.. A reportagem procurou a empresa, mas não obteve resposta.

Apesar das falhas, Lopes afirmou que a data para abertura do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) continua mantida para a terça-feira (21).

As falhas na contabilização dos pontos de candidatos do Enem começaram a ser reportadas nas redes sociais na noite de sexta-feira. Grupos de estudantes de Minas Gerais relataram que obtiveram pontuações extremamente baixas apesar de terem acertado um número elevado de questões.

Comentários

Outras Notícias

[Suíca lamenta esvaziamento da Mudança do Garcia]
Bahia

Suíca lamenta esvaziamento da Mudança do Garcia

24 de Fevereiro de 2020

Frequentador assíduo da Mudança do Garcia, manifestação popular tradicional das segundas-feiras do Carnaval de Salvador, o vereador Luiz Carlos Suíca (PT) lamentou o esvaziamento da festa este ano, o que atribuiu à falta de uma coordenação comum, com a participação dos diversos setores envolvidos

[Diretor da Arsal anuncia aumento de tarifa na passagem de ônibus]
Bahia

Diretor da Arsal anuncia aumento de tarifa na passagem de ônibus

24 de Fevereiro de 2020

O deretor-presidente da Agência Reguladora e Fiscalizadora dos Serviços Públicos (Arsal), Almir Melo, anunciou nesse domingo (23) o novo preço das passagens de ônibus

[Cerca de 100 crianças se divertem com bailinho em centro de acolhimento]
Bahia

Cerca de 100 crianças se divertem com bailinho em centro de acolhimento

24 de Fevereiro de 2020

A tarde desta segunda-feira (24) foi recheada de brincadeira, música, fantasia e diversão com o bailinho infantil do Centro de Acolhimento, Aprendizagem e Convivência (CAAC) da Escola Municipal Osvaldo Cruz, no Rio Vermelho

[Circuito Mestre Bimba faz Nordeste de Amaralina ferver no Carnaval]
Bahia

Circuito Mestre Bimba faz Nordeste de Amaralina ferver no Carnaval

24 de Fevereiro de 2020

Na Rua Mestre Bimba, que dá nome a um dos circuitos carnavalescos de Salvador, no Nordeste de Amaralina, diversas famílias acompanham o vai e vem dos minitrios

[Suíca critica concentração do carnaval na Barra e falta de patrocínio de marcas a blocos afros]
Bahia

Suíca critica concentração do carnaval na Barra e falta de patrocínio de marcas a blocos afros

23 de Fevereiro de 2020

O esvaziamento do circuito Campo Grande e a falta de patrocínio de grandes marcas a blocos afros foram críticas do vereador Luiz Carlos Suíca (PT), neste domingo (23) de carnaval, em Salvador

[Suíca critica aumento da tarifa de ônibus em Salvador durante carnaval no Nordeste de Amaralina]
Economia

Suíca critica aumento da tarifa de ônibus em Salvador durante carnaval no Nordeste de Amaralina

23 de Fevereiro de 2020

“Um acordo entre a prefeitura e empresários. O aumento da tarifa é abusivo e não representa a atual realidade do país, do estado e do município, que lidera os índices de desemprego”